Normas para submissão de trabalho



O I Congresso de Ensino de Ciências, Educação Ambiental e Saúde (I CONECEAS) e a II Reunião Técnica do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências da UFMS serão realizados entre os dias 09 e 12 de Novembro de 2016 no Campus da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul na cidade de Campo Grande no Estado do Mato Grosso do Sul (MS).

O evento tem como temática “A Aproximação das Pesquisas em Ensino de Ciências Educação Ambiental e Saúde com a Educação Básica” e almeja promover a integração das diferentes linhas de pesquisa que compõem a área de Ensino no Brasil com os programas de pós-graduação da área de Ensino do Estado de Mato do Grosso do Sul e a Escola Básica. A interação propiciará a reflexão sobre os avanços alcançados e as demandas que ainda precisam ser debatidas e investigadas na realidade do ensino de ciências, educação ambiental e saúde, na escola básica do Estado do Mato Grosso Sul em sintonia com as características e necessidades de outras regiões do Brasil e exterior.

O evento promoverá atividades programadas: conferências, palestras, mesas redondas, sessões de apresentação de trabalhos (Comunicações orais e pôsteres) e minicursos. O público-alvo do evento: alunos de graduação, pós-graduação, professores da educação básica e do ensino superior e demais profissionais da área de educação.

  1. Inscrição

1.1- Taxa de inscrição:

Professor de Ensino Superior (IES): R$ 120,00

Professor da Educação Básica e Tecnológica: R$ 80,00

Aluno de pós-graduação: R$ 80,00

Demais Profissionais: R$ 90,00

Aluno de graduação: R$ 50,00

O pagamento da taxa de inscrição para quem for apresentar trabalho deverá ser feito até o dia 10 de Outubro de 2016. Para os demais participantes até o dia 5 de Novembro de 2016.


                                                                            Submissão de Trabalhos

Os trabalhos serão recebidos de 29/07/2016 à 29/08/2016 na plataforma de submissão do I Congresso de Ensino de Ciências, Educação Ambiental e Saúde (www.coneceas.com.br). O parecer de avaliação dos trabalhos será enviado aos participantes até o dia 30/09/2016.

Serão aceitos trabalhos nas modalidades: pesquisa acadêmica (o texto do trabalho deve obrigatoriamente incluir o tema de investigação, sua justificativa, objetivos, questão de pesquisa, fundamentação teórica e procedimentos metodológicos, resultados e discussão e considerações finais), relatos de experiência (devem conter a descrição da experiência, reflexão teórica relacionada a linha temática na qual se insere a experiência, a análise e a avaliação da experiência, indicando sua contribuição para os sujeitos envolvidos) e produção de materiais didáticos (o texto deverá incluir informações acerca da forma (real, virtual, etc), do conteúdo específico relacionado, objetivos pedagógicos associados e possibilidades de uso).

Os trabalhos deverão ser submetidos pelo primeiro autor, que será necessariamente o apresentador. Cada inscrito poderá submeter até dois trabalhos sendo uma comunicação oral e um pôster, ou dois para apresentação na forma de pôster.  Não há limite para participações como coautor. Cada trabalho poderá ter no máximo seis autores.

Os trabalhos a serem submetidos devem contemplar uma, ou, mais das áreas que compõe a proposta do CONECEAS de: Educação em Ciências, Educação em Saúde e Educação Ambiental. No momento da submissão do trabalho o(s) autor(es) deverá(ão) indicar a linha temática à qual o mesmo  vincula-se, selecionando-a por meio da sigla dentre as abaixo listadas:

  • Ensino e aprendizagem de conceitos científicos (EAP): aspectos cognitivos, sociais e afetivos envolvidos no ensino e na aprendizagem de conceitos científicos em diferentes níveis de ensino; ambientes de aprendizagem; aprendizagem colaborativa; modelos e modelagem ensino por investigação; experimentação e aprendizagem de habilidades científicas.

  • Formação de professores (FP): análise de programas e políticas de formação inicial e formação continuada; avaliação de modelos e práticas de formação de professores para diferentes níveis e modalidades de ensino; desenvolvimento profissional de professores; pesquisa e formação de professores; saberes docentes e práticas reflexivas.

  • História, Filosofia e Sociologia da Ciência no processo educativo (HFSC): História e Filosofia da Ciência; Epistemologia e Educação em Ciências; Natureza da Ciência; Estudos da Ciência; Sociologia do conhecimento científico.

  • Educação em espaços não-formais e divulgação científica (ENFDC): história, políticas e práticas de divulgação científica; relações entre comunicação e educação; educação em museus e centros de ciências; feiras e exposições de Ciências; divulgação científica e inclusão social.

  • Tecnologias da informação e Comunicação (TIC): desenho e avaliação de recursos e ambientes mediados por tecnologias no ensino, metodologias de pesquisa baseada em design; materiais multimídia e hipermídia; recursos audiovisuais e educação à distância.

  • Linguagens, discurso (LD): abordagens discursivas, argumentação, interações discursivas, leitura e escrita no ensino.

  • Alfabetização científica e tecnológica, abordagens CTS e CTSA: relações entre ciência, tecnologia e sociedade; meio ambiente, questões sociocientíficas, temas controversos, letramento científico.

  • Currículo (C): desenvolvimento curricular, políticas de currículo; conhecimento escolar; história das disciplinas; reformas curriculares, suas implementações e avaliações; inovação educacional; currículo e cultura.

  • Avaliação (A): aspectos metodológicos da avaliação; abordagens e práticas de avaliação de programas; indicadores de desempenho e avaliação; avaliação de sistema; estudos comparativos internacionais.

  • Diversidade, multiculturalismo (DM): relações entre ensino de ciências e temas tais como inclusão, gênero, raça, etnia, classe; educação indígena e de demais grupos sociais específicos, políticas de ação afirmativa.

  • Processos e materiais educativos (PME): análise de dinâmicas para trabalhos em grupo (ex. rodas de conversa, debates, dramatização etc.), sequências didáticas, livros didáticos, jogos educativos; atividades práticas.

  • Políticas educacionais (PE): história, análise e impactos de políticas públicas para a Educação: em Ciências, Meio Ambiente e Saúde em diferentes níveis e modalidades de ensino; legislação educacional e ensino de ciências; financiamento de ações educacionais; fomento à pesquisa em educação científica e tecnológica; políticas educacionais e políticas de desenvolvimento e inovação social, científica e tecnológica; políticas de formação de professores da área de ciências em nível de graduação e pós-graduação; políticas de formação de pesquisadores em educação em ciências em diferentes níveis de ensino; olimpíadas de ciências.

  • Questões teóricas e metodológicas da pesquisa em Educação e Ensino (QTME): considerações epistemológicas sobre a natureza da pesquisa; referenciais teóricos da pesquisa em educação em ciências; educação em ciências como campo científico; reflexões acerca de metodologias e métodos de pesquisa.


Normas para Submissão

Trabalhos Completos para apresentação Oral: Somente serão aceitos trabalhos na modalidade de Relatos de Experiência e Pesquisa acadêmica com resultados parciais ou completos, no formato word, contendo de 8 a 12 páginas (clique aqui para fazer o download do modelo de trabalho completo). O texto deve ser redigido em português com resumo de 150 até 300 palavras, acompanhado de abstract em língua inglesa de 150 até 300 palavras. O número de 3 a 4 palavras-chaves, atentando-se para o conteúdo do texto. Abaixo dos títulos deverão ser inseridas as informações sobre a afiliação de todos os autores (por extenso e de forma completa): nome(s) do(s) autor(es), último grau acadêmico, instituição a qual está vinculado, país de origem e e-mail. A  fonte tipográfica  deve ser Times New Roman,  corpo 12, com espaço 1,5 entre linhas. Margens inferiores e superiores de 2 e 2,5 cm, esquerda e direita de 3 e 2,5 cm, respectivamente. A estrutura do texto deve ser dividida em partes não numeradas, sendo obrigatória a introdução e a conclusão. As figuras devem estar inseridas ao longo do texto. Em caso de pesquisa financiada por agência de fomento, inserir nota no final do artigo informando o tipo de fomento (financiamento de mestrado ou doutorado, agências federais, estaduais, municipais ou mesmo internacionais, empresas privadas, etc.). As referências deverão ser organizadas, obrigatoriamente, de acordo com as normas da ABNT.

Resumos, apresentação somente em forma de pôster: Trabalhos na modalidade: Pesquisa Acadêmica, Relatos de experiência, projetos de pesquisa e produção de materiais didáticos. Os resumos devem ser de no máximo uma página conforme modelo (clique aqui para fazer o download do modelo de resumo)


Disponibilizamos os três modelos de pôster conforme a modalidade de resumo submetido e aceito. Os modelos servem como orientação, mas não é obrigatório seu uso. Somente as dimensões do pôster de 0,9 m por 1,0 m, ou, 1m por 1,2 m é obrigatória.

MODELO 1

MODELO 2

MODELO 3


Prof. Dr. Wellington P. de Queirós

Coordenador Geral do I CONECEAS


Profa. Dra. Nádia Cristina Guimarães Errobidart

Presidente da Comissão Científica do I CONECEAS

Comments